Internet Banking

Realizar serviços pelo internet banking é uma das grandes facilidades que o avanço tecnológico nos possibilitou, dinamizando assim, o cotidiano de muita gente, pois muitas filas para a efetuação de pagamentos e transferências são evitadas. Além disso, ter as várias outras opções oferecidas pelos bancos disponíveis no seu computador não é uma ideia nada mau.internet banking - acesso a internet por celular No entanto, nada poderia ser tão perfeito assim. Para acessar sua conta do banco pela internet, deve-se ter muito cuidado, afinal, práticas inadequadas colocam em risco a sua segurança, a dos seus dados e também do seu dinheiro. Descuidos aqui podem trazer problemas sérios, além de grandes transtornos para você. Para evitar qualquer prejuízo maior, nós separamos e disponibilizamos aqui para você uma lista de coisas, muitas vezes, até bem simples, que se virarem hábito, podem se tornar eficientes para garantir a sua segurança ao acessar o seu banco pela internet sem qualquer tipo de problema. Se atente a essas dicas e não fique vulnerável às ações dos mal-intencionados.

Fique atento aos links

Lembre-se de que os bancos dificilmente se comunicam por email, por isso não acredite em mensagens que chegam à sua caixa de entrada jurando ser do seu banco. Eles não costumam fazer uso desse meio, pois geralmente há uma seção exclusiva para mensagens e notificações dentro da página da instituição, que você acessa somente após estar logado. Digitar o endereço manualmente na barra do navegador também é uma boa técnica para se prevenir. Além disso, você deve estar sempre atento para o destino dos links que você clica. Para isso, posicione a setinha do mouse na parte inferior do navegador e confira o link para o qual você está sendo redirecionado.internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking internet banking

Procure sempre o cadeadinho

Foi comprovado por empresas especialistas em Segurança da Informação que a certificação é um método encontrado por sites para garantir a segurança dos dados sigilosos contidas em suas páginas. Por meio desses códigos, as empresas responsáveis analisam o nível de proteção do serviço e conferem um certificado digital, dessa maneira, elas atestam para o internauta que é seguro acessar tal site. A indicação de que uma página possui um certificado de segurança reconhecido é representada por um cadeadinho que costuma aparecer na barra de endereços. Ao clicar neste ícone, um menu aparece na tela dando mais informações sobre a certificação que o site possui, garantindo ainda mais a privacidade dos dados transferidos ali. Por meio desses certificados os dados são enviados do navegador do usuário até o site da instituição de modo criptografado. Isto significa que mesmo que alguém consiga capturar esses dados, ele necessitaria de um software poderoso para decifrar estes códigos. Este tipo de ataque torna-se inviável, pois exige um alto conhecimento e análise técnica que pode demorar de dias a anos.

Linux direto do pendrive

Computadores que usam o Linux não são vulneráveis aos vírus que transitam por aí na rede como os usuários do Windows. Aquele sistema faz uso da arquitetura Unix, que é apontada como mais segura do que aquela usada por este. Vale ressaltar também que devido ao sistema operacional livre não ser tão popular em computadores pessoais, crackers se preocupam menos com ele, fazendo então com que seja drasticamente mais conveniente usá-lo para transações bancárias em seu internet banking. Dessa maneira o risco de você ser infectado pelos métodos tradicionais é consideravelmente menor. Então, aconselhamos que você tenha sempre uma distribuição de Linux instalada em um pendrive, de maneira que possa acessar a internet (e usar o sistema como um todo) sem nenhum tipo de instalação na máquina. Para instalar o sistema no pendrive basta fazer o download de uma distribuição e também de um aplicativo para fazer a instalação diretamente no drive, existe o WinUSB Maker, que apresenta eficácia para tal finalidade. Usar este programa é bem simples e você precisa apenas selecionar o arquivo ISO do Linux para concluir o processo. Depois de tudo isso preparado, é só espetar o pendrive no computador e inicializar o sistema. Há ainda uma outra opção, que é gravar o arquivo de imagem ISO em um disco (CD ou DVD) e iniciar o computador com a mídia inserida no drive, porém, muitos modelos de computadores atuais, não vem mais com entrada para esse tipo de mídia, tornando o pen drive uma solução mais eficaz e “universal”.

Máquina virtual

Outra opção que traz segurança para as transações online é a máquina virtual. Programa como VirtualBox ao serem baixados e instalados, inserem um outro sistema operacional ali dentro da sua máquina, sem sair do Windows e sem nenhum maior trabalho. A máquina virtual emula um outro computador, à parte, de maneira que mesmo sendo infectada, o sistema “real” permanece intacto. Para criar uma máquina virtual é possível usar o disco de instalação de um sistema ou o arquivo de imagem ISO baixado da internet. É importante não compartilhar a área de transferência e nem pastas shared nas configurações da máquina garantindo assim um maior isolamento da máquina host (referente a máquina que executa o software de emulação).

Sandbox

Outro recurso interessante para manter seu acesso seguro é a chamada “caixa de areia”, também conhecida como sandbox e pode ser encontrado para baixar com o nome de SandBoxie. Essas caixas de areia são capazes de criar um ambiente à parte dentro do seu sistema, onde você pode rodar aplicativos e serviços normalmente. Ele também possui uma característica de navegar sem deixar rastros, possibilitando assim, que você abra o navegador dentro da caixa de areia, acesse sua conta e, assim que você reiniciar o computador, todos os seus dados de navegação serão apagados. Dessa maneira, sem os rastros de navegação e aplicativos, que normalmente são usados por malwares para infectar a máquina, fica mais difícil a ação dos criminosos. Os softwares maliciosos procuram brechas deixadas por outros programas para agir em seu sistema o segredo está em fechar todas as portas para a ação desses cibercriminosos.

Outras dicas de segurança no Internet Banking

Digite a senha errada propositalmente

Ao acessar a página do banco, digite a senha errada propositalmente na primeira vez. Caso o erro não seja indicado, corra! Como sites piratas não têm como conferir a informação, pois querem apenas roubar sua senha, eles não vão acusar nenhum erro; já os bancos verdadeiros, têm sua senha real e se indicarem o erro, você pode continuar a sua transação, mas não esqueça, manter-se sempre alerta pode te ajudar a não ter dados nem dinheiro roubados.

Não use computadores públicosinternet banking - usuário na sala escura acessando internet (a mostra seus olhos e a tela do pc de costas)

Nunca utilize computadores públicos, como de lan houses ou de bibliotecas, por exemplo, para acessar a sua conta do banco. Aliás, use sempre o menor número possível de máquinas e dispositivos para usar o internet banking, pois isso reduz as chances de problemas com invasores.

Proteja sua máquina ou dispositivo móvel Mantenha navegadores e programas antivírus sempre atualizados, e lembre-se de que a última versão desses aplicativos está sempre mais preparada para lidar com as ameaças mais recentes do que as demais, então não durma no ponto! Uma simples atualização pode fazer toda diferença.

Desconecte-se da conta Quando terminar tudo o que você tinha de fazer no banco, lembre-se de clicar em “Sair” para encerrar sua sessão. Alguns bancos fazem isso automaticamente depois de um tempo, mas é bom não arriscar, quanto antes você se desconectar da sua conta, mais rápido as portas para possíveis invasões serão fechadas.

Cuidado com redes Wi-Fi públicas Acessar sua conta por um mesmo computador além de sempre que possível, a partir da rede Wi-Fi da sua casa ou de seu plano 3G/4G. Redes públicas, especialmente abertas, por não exigirem senhas, podem facilmente conter mecanismos que capturam dados dos dispositivos que as acessam, o que pode ser ainda mais perigoso em casos de informações sigilosas.

Use apenas os aplicativos móveis oficiais do banco O acesso ao banco vem se tornando cada cada vez mais comum a partir de smartphones e tablets. Para a comodidade móvel, certifique-se de estar utilizando o aplicativo fornecidos ou indicados pelo próprio banco, procure no site da instituição os links para os aplicativos oficiais, para não errar. Além disso, lembre-se de manter esses apps sempre atualizados.

Monitore a sua conta Atualmente, a maioria dos bancos adotaram em seus sistemas de internet banking mecanismos que permitem que você receba extratos periódicos por e-mail e muitas vezes, esse serviço é de graça. Esta é uma maneira interessante e bem simples para acompanhar sua conta e assim, conseguir identificar qualquer transação que você desconheça.

Além dos extratos por email, muitos bancos também oferecem alertas por SMS: você recebe uma mensagem logo que uma transação é realizada em sua conta ou em seu cartão de crédito. Essa medida é capaz de te fazer identificar transações incoerêntes com seu perfil e correr atrás do prejuízo, antes que ele tome proporções maiores.

Plugins de segurança

Existem plug-ins de segurança, como é o caso do Warsaw, que foi desenvolvido pela GAS Tecnologia, empresa do grupo Diebold, para “prover confiabilidade em transações eletrônicas”. Segundo a companhia, sua tecnologia é usada por Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Itaú, Santander e outras instituições bancárias. No Windows, o Warsaw funciona como serviço e inicia durante o boot. No entanto, estes plugins podem, quando com defeito ou algum bug, ocasionar problemas na rede e bloquear alguns sites, como o Facebook, por exemplo.

De maneira geral, os sistemas bancários do Brasil trabalham oferecendo segurança e bastante confiabilidade aos seus clientes, no entanto, você deve lembrar que por mais desenvolvidas que sejam, não existe ainda, uma tecnologia que garanta 100% de proteção. Há quem prefira não utilizar Internet Banking ou cartão de credito para evitar esse tipo de problemas, no entanto, com as dicas mostradas aqui, você consegue prevenir e diminuir significativamente o risco de fraudes.

(Visited 132 times, 1 visits today)